Abertura dos Mercados – Futuros e Commodities: S&P-500: 3.139,62 +0,10% | Bovespa: 98.505 +0,62% | Petróleo WTI: 40,73 +0,27% | USD/BRL: 5.378,50 -0,03%

Os mercados financeiros globais operam em tom misto nesta manhã de quarta-feira, com os investidores cautelosos monitorando a intensificação das tensões geopolíticas entre Estados Unidos e China. Na Ásia as bolsas fecharam sem tendência definida, com o Nikkei japonês caindo 0,78% e o índice de Shanghai em alta de 1,74%. Nos Estados Unidos o índice futuro S&P aponta para alta de 0,10% e na Europa as bolsas operam no vermelho, com o DAX alemão, o CAC francês e o FTSE de Londres caindo respectivamente 0,77%, 0,55% e 1,21%. Na agenda internacional teremos hoje reunião da chanceler alemã Angela Merkel para discutir o pacote de recuperação e nos Estados Unidos destaque para a divulgação do crédito ao consumidor de Maio. No Brasil a política nacional segue sob impacto do anúncio de que o presidente Jair Bolsonaro está com Covid-19. Na agenda do dia tivemos a divulgação pelo IBGE das vendas no varejo de maio que vieram acima das expectativas do mercado e para o dia sem grandes indicadores macroeconômicos a serem divulgados.

Empresas e Setores

  • Agronegócio: Segundo dados divulgados pela Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), as exportações de carne suína do Brasil no primeiro semestre deste ano somaram 479, 4 mil toneladas e geraram receita de US$ 1,07 bilhão, respectivas altas de 37% e 52,5% na comparação com o mesmo intervalo de 2019.
  • Amazon: A companhia anunciou o lançamento no Brasil de um programa de compra recorrente de itens de supermercados, como alimentos, higiene, limpeza e bebidas, de companhias como L’Oreal, Nestlé, Procter & Gamble e Reckitt Benckiser, com frete grátis a partir da segunda entrega e descontos de até 15% em produtos selecionados.
  • Camil (CALM3): A companhia registrou lucro líquido de R$ 109,5 milhões no primeiro trimestre deste ano, resulto mais que o dobro do lucro líquido de R$ 49,8 milhões reportado no mesmo trimestre de 2019.
  • Construção Civil: Segundo dados divulgados pelo Sindicato Nacional da Indústria do Cimento (Snic), as vendas de cimento no Brasil no mês de junho totalizaram 5,2 milhões de toneladas, alta de 24% na comparação anual.
  • Cyrela (CYRE3): A companhia comunicou que a Lavvi, sociedade da qual detém 45% de participação, apresentou à Comissão de Valores Mobiliários (CVM) um pedido de oferta pública inicial de ações (IPO) a ser realizada no Brasil.
  • Energisa (ENGI11): A diretoria da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou o reajuste tarifário anual da distribuidora Energisa Sul Sudeste, que levará a um aumento médio de 4,87% na conta de luz dos consumidores da empresa.
  • Eternit (ETER3): A companhia, que se encontra em recuperação judicial, informou que estará processando o minério disponível para extração nas instalações da controlada SAMA, seguindo decreto do estado de Goiás que autoriza a retirada e o beneficiamento de amianto da variedade crisotila para fins exclusivos de exportação.
  • Ferbasa (FESA3): A companhia em U$ 104/lb o preço de fornecimento regular do Ferro Cromo Alto para o mercado europeu no terceiro trimestre, mantendo o valor divulgado para o trimestre anterior.
  • JHSF (JHSF3): A companhia informou que o Hotel Fasano São Paulo voltará às atividades a partir do dia 1º de agosto.
  • Logística: Segundo pesquisa realizada pela NTC&Logística, a demanda por transportes rodoviários de cargas no Brasil encerrou a semana de 28 de junho a 04 de julho com variação negativa de 30,42% em relação aos níveis pré-pandemia, melhor resultado desde a semana de 24 a 29 de março, quando registrou queda de 26,9%.
  • MRV (MRVE3): A companhia atingiu o recorde de vendas no segundo trimestre deste somando R$ 1,81 bilhão e 11,4 mil unidades negociadas, alta de 37,4% em relação à mesma etapa de 2019.
  • Paranapanema (PMAM3): A companhia informou que Osvaldo Bruno Brasil Cavalcante renunciou ao cargo de membro titular do Conselho de Administração.
  • Petrobras (PETR4): A companhia iniciou o descomissionamento da plataforma P-12 na Bacia de Campos, localizada no estado do Rio de Janeiro, após aprovação da ANP, do Ibama e da Marinha.
  • Petróleo e Gás: Segundo estimativa divulgada pela Administração de Informação sobre Energia (AIE), a produção de petróleo dos Estados Unidos neste ano deverá atingir a média de 11,63 milhões de barris de petróleo diários (bpd), queda de 600 mil barris por dia frente o registrado em 2019 e abaixo dos 670 mil bpd de queda projetados anteriormente.
  • Saber: A companhia aumentou o seu capital social em R$ 450 milhões, para R$ 4,9 bilhões, através da emissão de 450 milhões de novas ações no valor de R$ 1,00, das quais 372 milhões foram subscritas pela Cogna, enquanto as outras 78 milhões foram compradas pela Editora e Distribuidora Educacional.
  • SulAmérica (SULA11): A companhia informou que o banco Opportunity reduziu para 4,96% a participação no total de ações preferenciais.
  • TIM (TIMP3): A companhia e a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) firmaram um termo de ajustamento de conduta (TAC) que converte multa de R$ 639,9 milhões aplicada pela agência reguladora em investimentos que a empresa deverá fazer para ampliar o acesso à internet, por meio do serviço de banda larga móvel com tecnologia 4G, em cidades com Índice de Desenvolvimento Humano (IDH), abaixo da média nacional nos estados do Norte, Nordeste, Minas Gerais e Goiás.
  • Varejo: Segundo dados divulgados pelo IBGE as vendas no varejo brasileiro no mês de maio registraram o aumento recorde de 13,9% na comparação com o mês anterior, melhor taxa desde o início da série histórica em janeiro de 2000. Na comparação com o mesmo mês do ano anterior houve perda de 7,2%, terceira taxa negativa consecutiva.

Fontes: Bloomberg, Thomson Reuters, jornal Valor Econômico, jornais diversos e relatórios de terceiros.

Esta mensagem e seus anexos podem conter informações confidenciais ou privilegiadas. Se você não é o destinatário dos mesmos você não está autorizado a utilizar o material para qualquer fim. Solicitamos que você apague a mensagem e avise imediatamente ao remetente. O conteúdo desta mensagem e seus anexos não representam necessariamente a opinião e a intenção da empresa, não implicando em qualquer obrigação ou responsabilidade por parte da mesma. As análises refletem única e exclusivamente as opiniões pessoais dos analistas responsáveis e são elaboradas de forma independente e autônoma, inclusive em relação à Capital Investimentos. As estimativas e previsões de eventos são baseadas em informações públicas e em fontes que julgamos dignas de crédito, embora sua precisão e completude não possam ser garantidas. Ocasionalmente, executivos ou funcionários da Capital Investimentos podem, de acordo com o permitido por lei, possuir uma posição, ou de outra maneira estarem interessados em transações com ativos direta ou indiretamente relacionados com este relatório. Rentabilidade passada não assegura rentabilidade futura. Este relatório não constitui uma recomendação de compra ou venda e destina-se apenas a fomentar o debate de ideias. O utilizador aceita que o conteúdo, erros ou omissões não podem ser fundamentos para qualquer reclamação ou ação legal. As informações contidas neste material são de caráter exclusivamente informativo e não devem ser consideradas como uma oferta de aquisição de cotas dos fundos de investimentos. Rentabilidade passada não é garantia de rentabilidade futura,  sempre leia o prospecto e o regulamento antes de investir.