15 dez

Abertura dos Mercados – 15 – Dezembro – 2017

Abertura dos Mercados – Futuros e Commodities: S&P-500: 2.660,25 +0,16% — Bovespa: 72.940 -0,17% — Petróleo WTI: 57,36 +0,56% — USD/BRL: 3.323,00 -0,70%

A semana chega ao fim com os mercados externos sem uma direção definida. Nos Estados Unidos, nesse momento o índice futuro do S&P tem elevação de 0,16% e na Europa, o índice alemão DAX cai 0,35%, o CAC francês opera com perdas de 0,49% e o FTSE de Londres segue estável com pequena alta de 0,03%. Na Ásia, o Nikkei fechou em queda de 0,62% e Shanghai também terminou caindo, com baixa de 0,80%. No Brasil, o Governo oficializa o adiamento da reforma da Previdência para Fevereiro. As agências de classificação de risco Moody’s e Fitch não esperaram nem 24 horas para fazerem suas advertências sobre a possibilidade de rebaixamento da nota de crédito do país, afirmando que o adiamento da votação é um fator negativo e indicativo da falta de apoio político à reforma. Segundo os jornais, a equipe da fazenda deve fazer uma rodada de reuniões com diretores das agências de risco para tentar evitar o rebaixamento. Com o ano praticamente encerrado, os olhares agora se voltam cada vez mais para as eleições de 2018, além do julgamento de Lula pelo TRF-4 agendado para 24 de janeiro de 2018.

Empresas e Setores

  • Copasa (CSMG3): O Conselho de Administração da companhia aprovou o plano de investimentos para 2018 no valor de R$ 650 milhões.
  • Eletrobras (ELET6): A companhia comunicou que o fundo GIC Private Limited reduziu para 4,9% a participação no seu total de ações preferenciais.
  • Embraer (EMBR3): A companhia anunciou que irá pagar juros sobre o capital próprio aos seus acionistas no valor bruto de R$ 0,09 por ação.
  • Gol (GOLL4): A companhia anunciou o início de uma oferta pública para a aquisição de até US$ 50 milhões em notas com vencimento em 2020.
  • Hermes Pardini (PARD3): O Conselho de Administração da companhia aprovou o pagamento de juros sobre o capital próprio aos seus acionistas no valor bruto de R$ 0,22 por ação.
  • Imóveis: Segundo dados divulgados pela Secovi-SP as vendas de imóveis residenciais na cidade de São Paulo somaram 1,9 mil unidades no mês de Outubro, alta de 56,8% na comparação com o registrado em igual mês de 2016, contribuindo para uma alta de 20,0% no acumulado de 2017.
  • Imóveis: Segundo o índice FipeZap, o preço médio do aluguel de imóveis residenciais nas 15 maiores cidades brasileiras no mês de Novembro registrou alta de 0,42% ante o registrado no mês anterior. No acumulado do ano, o indicador apresenta uma variação negativa de 3,2%, descontada a inflação acumulada no período.
  • Magazine Luiza (MGLU3): O Conselho de Administração da companhia aprovou o pagamento de juros sobre o capital aos seus acionistas no montante de R$ 75 milhões, correspondendo ao valor bruto de R$ 0,39 por ação.
  • Neoenergia (NEOE3B): A companhia solicitou à CVM o cancelamento do seu pedido de registro de oferta pública primária e secundária de ações.
  • Serviços: Segundo dados divulgados pelo IBGE, o volume de serviços do país no mês de Outubro recuou 0,8% com relação ao mês anterior e 0,3% na comparação com o registrado no mês de 2016.
  • Telefônica (VIVT4): O Conselho de Administração da companhia deliberou o pagamento de juros sobre o capital próprio aos seus acionistas no montante de R$ 1,4 bilhão, correspondendo a proporção líquida de R$ 0,70 por ação ordinária e R$ 0,77 por ação preferencial.
  • Ultrapar (UGPA3): A companhia anunciou seu plano de investimentos para o ano de 2018 num total de R$ 2,6 milhões.
  • Vale (VALE3): O Conselho de Administração da companhia aprovou o pagamento de juros sobre o capital próprio aos seus acionistas no montante de R$ 2,1 bilhões, correspondendo ao valor de R$ 0,41 por ação.

Fontes: Bloomberg, Thomson Reuters, jornal Valor Econômico, jornais diversos e relatórios de terceiros.

Esta mensagem e seus anexos podem conter informações confidenciais ou privilegiadas. Se você não é o destinatário dos mesmos você não está autorizado a utilizar o material para qualquer fim. Solicitamos que você apague a mensagem e avise imediatamente ao remetente. O conteúdo desta mensagem e seus anexos não representam necessariamente a opinião e a intenção da empresa, não implicando em qualquer obrigação ou responsabilidade por parte da mesma. As análises refletem única e exclusivamente as opiniões pessoais dos analistas responsáveis e são elaboradas de forma independente e autônoma, inclusive em relação à Capital Investimentos. As estimativas e previsões de eventos são baseadas em informações públicas e em fontes que julgamos dignas de crédito, embora sua precisão e completude não possam ser garantidas. Ocasionalmente, executivos ou funcionários da Capital Investimentos podem, de acordo com o permitido por lei, possuir uma posição, ou de outra maneira estarem interessados em transações com ativos direta ou indiretamente relacionados com este relatório. Rentabilidade passada não assegura rentabilidade futura. Este relatório não constitui uma recomendação de compra ou venda e destina-se apenas a fomentar o debate de ideias. O utilizador aceita que o conteúdo, erros ou omissões não podem ser fundamentos para qualquer reclamação ou ação legal. As informações contidas neste material são de caráter exclusivamente informativo e não devem ser consideradas como uma oferta de aquisição de cotas dos fundos de investimentos. Rentabilidade passada não é garantia de rentabilidade futura,  sempre leia o prospecto e o regulamento antes de investir.

14 dez

Abertura dos Mercados – 14 – Dezembro – 2017

Abertura dos Mercados – Futuros e Commodities: S&P-500: 2.670,25 +0,08% — Bovespa: 73.160 -0,46% — Petróleo WTI: 56,45 -0,27% — USD/BRL: 3.318,00 +0,09%

O tom dos mercados acionários nessa quinta feira é de neutralidade, com as bolsas ao redor do mundo não apresentando uma direção definida. Nos Estados Unidos, o Federal Reserve elevou a taxa de juros do país pela terceira vez nesse ano para uma faixa de 1,25% a 1,50%, alta de 0,25 pontos percentuais e indicou que três novos apertos monetários estão contratados para o ano que vem. Janet Yellen, atual presidente da instituição e que deixa o cargo em Fevereiro, sendo substituída por Jerome Powell, indicado pelo presidente Donald Trump, se despediu das entrevistas oficiais dizendo que a política monetária do país seguirá pautada pela paciência no ritmo de alta do juro. Na China, surpreendendo o mercado, o Banco Popular Chinês (Banco Central) acompanhou a decisão do Fed e também elevou uma série de taxas de juros de curto prazo, em seu terceiro movimento de elevação no ano. Nesse momento, o índice futuro norte-americano S&P tem alta de 0,08% e na Europa, o índice alemão DAX cai 0,65%, o CAC francês opera com perdas de 0,33% e o FTSE inglês tem desvalorização de 0,32%. Na Ásia, o Nikkei encerrou o dia em queda de 0,28% e o índice de Shanghai fechou com uma desvalorização de 0,32%. No Brasil, se já havia dificuldade na articulação política para a provação da Reforma da Previdência esse ano a situação se complicou um pouco mais ontem, quando o líder do Senado, Romero Jucá, afirmou que não haveria quórum para aprovação da proposta na próxima semana e que os partidos da base estavam acordando uma votação para Fevereiro de 2018. Ainda ontem, o Governo soltou uma nota desmentindo a afirmação. O Ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha, disse que a decisão não teve a chancela do presidente Michel Temer, que ainda acredita que há possibilidades de aprovação da Reforma neste ano.

Empresas e Setores

  • Celesc (CLSC6): A companhia informou que seu Conselho de Administração aprovou o orçamento de investimentos para 2018 prevendo um aporte total de R$ 463 milhões.
  • Cielo (CIEL3): O Conselho de Administração da companhia aprovou o pagamento de juros sobre o capital próprio aos seus acionistas no montante total de R$ 318,2 milhões, correspondendo ao valor de R$ 0,11 por ação.
  • Construção Civil: Segundo dados divulgados pela consultoria Tendências, o Índice de Atividade da Construção Imobiliária (IACI) no mês de Novembro registrou queda de 3,0% frente o reportado no mês anterior e de 22,3% na comparação com igual mês de 2016.
  • Copel (CPLE6): O Conselho de Administração da companhia aprovou o pagamento de juros sobre o capital próprio aos seus acionistas no valor total de R$ 266 milhões, correspondendo ao valor de R$ 0,92 por ação ordinária e de R$ 2,89 por ação preferencial classe “A” e R$ 1,01 por ação preferencial classe “B”.
  • CVC (CVCB3): A companhia informou que realizará o pagamento de juros sobre o capital próprio aos seus acionistas no valor de R$ 0,28 por ação.
  • Eldorado Brasil: A companhia informou que a Paper Excellence passou a deter 47,4% de seu capital social, após a aquisição de participações do fundo FIP Florestal.
  • Embraer (EMBR3): A companhia informou que a gestora Mondrian Investment Limited elevou a participação no seu total de ações de 9,3% para 10,1%.
  • Engie Brasil (EGIE3): A Diretoria Executiva da companhia aprovou o pagamento de dividendos aos seus acionistas no valor total de R$ 938,9 milhões, correspondentes a R$ 1,43 por ação.
  • Helbor (HBOR3): A companhia comunicou foram subscritas 94,3% das ações disponíveis no âmbito de sua operação de aumento de capital, perfazendo o valor de R$ 264 milhões.
  • Petrobras (PETR4): A companhia precificou em R$ 15,00 a ação da BR Distribuidora em sua Oferta Inicial de Ações (IPO), levantando cerca de R$ 5 bilhões com a operação, a maior realizada no Brasil desde o ano de 2013.
  • Romi (ROMI3): O Conselho de Administração da companhia aprovou o pagamento de juros sobre o capital próprio aos seus acionistas no montante de R$ 5,02 milhões, correspondendo ao valor líquido de R$ 0,06 por ação.
  • Taesa (TAEE11): O Conselho de Administração da companhia aprovou a distribuição de juros sobre o capital próprio aos seus acionistas no valor total de R$ 93,1 milhões, correspondendo ao valor de R$ 0,09 por ação e de R$ 0,27 por Unit.

Fontes: Bloomberg, Thomson Reuters, jornal Valor Econômico, jornais diversos e relatórios de terceiros.

Esta mensagem e seus anexos podem conter informações confidenciais ou privilegiadas. Se você não é o destinatário dos mesmos você não está autorizado a utilizar o material para qualquer fim. Solicitamos que você apague a mensagem e avise imediatamente ao remetente. O conteúdo desta mensagem e seus anexos não representam necessariamente a opinião e a intenção da empresa, não implicando em qualquer obrigação ou responsabilidade por parte da mesma. As análises refletem única e exclusivamente as opiniões pessoais dos analistas responsáveis e são elaboradas de forma independente e autônoma, inclusive em relação à Capital Investimentos. As estimativas e previsões de eventos são baseadas em informações públicas e em fontes que julgamos dignas de crédito, embora sua precisão e completude não possam ser garantidas. Ocasionalmente, executivos ou funcionários da Capital Investimentos podem, de acordo com o permitido por lei, possuir uma posição, ou de outra maneira estarem interessados em transações com ativos direta ou indiretamente relacionados com este relatório. Rentabilidade passada não assegura rentabilidade futura. Este relatório não constitui uma recomendação de compra ou venda e destina-se apenas a fomentar o debate de ideias. O utilizador aceita que o conteúdo, erros ou omissões não podem ser fundamentos para qualquer reclamação ou ação legal. As informações contidas neste material são de caráter exclusivamente informativo e não devem ser consideradas como uma oferta de aquisição de cotas dos fundos de investimentos. Rentabilidade passada não é garantia de rentabilidade futura,  sempre leia o prospecto e o regulamento antes de investir.

13 dez

Abertura dos Mercados – 13 – Dezembro – 2017

Abertura dos Mercados – Futuros e Commodities: S&P-500: 2.667,50 -0,01% — Bovespa: 75.225 +0,36% — Petróleo WTI: 57,52 +0,67% — USD/BRL: 3.321,00 +0,25%

Os mercados acionários globais operam sem viés definido nesta manhã de quarta-feira, dia em que o foco dos investidores se volta para o resultado da reunião de política monetária do Federal Reserve dos Estados Unidos. Na Ásia, o Nikkei japonês encerrou o dia com perdas de 0,47% e o índice de Shanghai fechou com ganhos de 0,70%. Na Europa, o FTSE de Londres opera com ganhos marginais de 0,02%, o CAC francês cede 0,20% e o DAX alemão recua 0,17%. Nos Estados Unidos o índice futuro S&P ensaia uma abertura praticamente estável, com leve perda de 0,01%. Por lá, teremos hoje pela manhã a divulgação do Índice de Preços ao Consumidor (CPI) do país no mês de Novembro, porém, o grande evento do dia fica por conta do possível anúncio de um aumento nas taxas de juros do país pelo Fed, seguido da fala de Janet Yellen, que deverá balizar as expectativas acerca das próximas reuniões do colegiado. No Brasil, o IBGE divulgou agora pela manhã as vendas no varejo interno no mês de Outubro, com queda de 0,9% ante o mês anterior e alta de 2,5% frente ao mesmo mês de 2016, aquém das expectativas do mercado, de alta de 0,2% na comparação mensal e de 5,2% na comparação anual. No front político, o Tribunal Regional Federal da 4ª Região estabeleceu ontem à noite a marcação do julgamento em segunda instância do processo contra o ex-presidente Lula no caso do tríplex, dando um certo fôlego para os negócios locais. No Planalto, as atenções se voltam para a realização da primeira reunião da Executiva Nacional do PSDB sob o comando de Geraldo Alckmin, em evento que deverá definir o fechamento da questão a favor da reforma da Previdência, gerando um “efeito manada” nos demais partidos aliados do Governo.

Empresas e Setores

  • Agronegócios: Segundo dados da Associação Nacional para a Difusão de Adubos (Anda) as vendas de fertilizantes entregues ao consumidor final do Brasil no mês de Novembro somaram 3,2 milhões de toneladas, alta de 1,6% na comparação com o registrado no mesmo mês de 2016, contribuindo para uma alta de 2,1% no acumulado de Janeiro a Novembro deste ano, na base de comparação anual.
  • B3 (BVMF3): A companhia comunicou que a partir do dia 18 deste mês seu nome de pregão passará a ser B3 e a partir do dia 26 de Março de 2018 suas ações passarão a ser negociadas sob o código B3SA3, em substituição a BVMF3.
  • Copel (CPLE6): A companhia informou que realizará o pagamento de dividendos aos seus acionistas no valor total de R$ 223,2 milhões, correspondendo a proporção de R$ 0,77 por ação ordinária e R$ 0,85 por ação preferencial.
  • EcoRodovias (ECOR3): A companhia celebrou um acordo de Compra e Venda de Ações com a Multilog, para a alienação de 100% do capital social da Elog por um valor total de R$ 90 milhões.
  • Fibria (FIBR3): A companhia informou que sua controlada Fibria International Trade (FIT) celebrou um contrato de Pré-Pagamento de Exportação no montante de US$ 700 milhões.
  • Iguatemi (IGTA3): A agência de classificação de risco Fitch elevou o rating de Longo Prazo da companhia de “AAA(bra)” para “AA+(bra)”, mantendo a perspectiva da nota estável.
  • Latam Airlines: A companhia divulgou que o tráfego de passageiros no mês de Novembro somou 5,7 milhões de passageiros, alta de 3,2% na comparação com o registrado no mesmo mês de 2016. Considerando apenas a operação da companhia no Brasil, o tráfego de passageiros da companhia em Novembro registrou alta de 2% na comparação anual. A taxa de ocupação da companhia em Novembro atingiu 84,3% em toda a malha e 83,3% no Brasil, uma retração de 0,1 ponto percentual em ambos os casos, na comparação anual.
  • Weg (WEGE3): O Conselho de Administração da companhia deliberou o pagamento de juros sobre capital próprio aos seus acionistas no valor total de R$ 92 milhões, correspondente a R$ 0,057 por ação ordinária.

Fontes: Bloomberg, Thomson Reuters, jornal Valor Econômico, jornais diversos e relatórios de terceiros.

Esta mensagem e seus anexos podem conter informações confidenciais ou privilegiadas. Se você não é o destinatário dos mesmos você não está autorizado a utilizar o material para qualquer fim. Solicitamos que você apague a mensagem e avise imediatamente ao remetente. O conteúdo desta mensagem e seus anexos não representam necessariamente a opinião e a intenção da empresa, não implicando em qualquer obrigação ou responsabilidade por parte da mesma. As análises refletem única e exclusivamente as opiniões pessoais dos analistas responsáveis e são elaboradas de forma independente e autônoma, inclusive em relação à Capital Investimentos. As estimativas e previsões de eventos são baseadas em informações públicas e em fontes que julgamos dignas de crédito, embora sua precisão e completude não possam ser garantidas. Ocasionalmente, executivos ou funcionários da Capital Investimentos podem, de acordo com o permitido por lei, possuir uma posição, ou de outra maneira estarem interessados em transações com ativos direta ou indiretamente relacionados com este relatório. Rentabilidade passada não assegura rentabilidade futura. Este relatório não constitui uma recomendação de compra ou venda e destina-se apenas a fomentar o debate de ideias. O utilizador aceita que o conteúdo, erros ou omissões não podem ser fundamentos para qualquer reclamação ou ação legal. As informações contidas neste material são de caráter exclusivamente informativo e não devem ser consideradas como uma oferta de aquisição de cotas dos fundos de investimentos. Rentabilidade passada não é garantia de rentabilidade futura,  sempre leia o prospecto e o regulamento antes de investir.

12 dez

Abertura dos Mercados – 12 – Dezembro – 2017

Abertura dos Mercados – Futuros e Commodities: S&P-500: 2.665,50 +0,04% — Bovespa: 72.500 -0,67% — Petróleo WTI: 58,39 +0,69% — USD/BRL: 3.312,50 +0,03%

O tom dos mercados externos é positivo hoje, com os futuros norte-americanos e índices europeus apresentando valorização. Nos Estados Unidos, nesse momento o índice futuro do S&P mostra uma pequena alta de 0,04% e na Europa, o índice alemão DAX sobe 0,11%, o CAC francês opera com ganhos de 0,29% e o FTSE de Londres tem elevação de 0,17%. Na Ásia, o Nikkei fechou em queda de 0,32% e Shanghai também terminou caindo, com baixa de 1,25%. No Brasil, com a proximidade do recesso parlamentar que começa dia 22 de Dezembro, o Governo se articula para começar as discussões da reforma da Previdência essa semana para ser levada à votação no plenário da Câmara na semana que vem. O presidente da Câmara, Rodrigo Maia, voltou a dizer que só coloca a matéria em votação se houver votos suficientes para a aprovação, uma atitude responsável uma vez que uma derrota pode enterrar de vez as chances da reforma passar no curto prazo. A Eurásia, acompanhando outras consultorias políticas, acredita que as chances de aprovação esse ano são de 40% afirmando, porém, que não se pode subestimar o poder de convencimento do Governo Temer. Em entrevista hoje no Valor Econômico, o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, disse que o país possui “âncoras” importantes para atravessar uma eventual instabilidade vindo da corrida presidencial, como as elevadas reservas cambiais (cerca de US$ 380 bilhões), inflação em queda, balanço de pagamentos sendo financiado por investimentos diretos, baixa exposição cambial da dívida mobiliária e um Tesouro Nacional bem posicionado. No entanto, reforça que a reforma da previdência não é um projeto de governo e sim uma necessidade do país, tendo então que ser enfrentada seja agora ou mais adiante.

Empresas e Setores

  • Avianca Holdings: A companhia informou o tráfego de passageiros no mês de Novembro registrou uma queda de 7,5% na comparação com o registrado em igual mês de 2016. Em igual base de comparação, a taxa de ocupação da companhia atingiu 85,4% em Novembro, alta de 1,7 ponto percentual.
  • BR Properties (BRPR3): O Conselho de Administração da companhia aprovou a emissão de debêntures simples no valor total de até R$ 250 milhões.
  • Construção Civil: Segundo dados divulgados pelo Sindicato Nacional da Indústria do Cimento (Snic), as vendas de cimento no Brasil no mês de Novembro totalizaram 4,5 milhões de toneladas, queda de 3,2% ante o registrado no mesmo mês de 2016. No acumulado de Janeiro a Novembro deste ano, as vendas dos fabricantes nacionais de cimento atingiram 49,7 milhões de toneladas, 6,4% abaixo do registrado no mesmo intervalo do ano passado.
  • Duratex (DTEX3): A companhia anunciou o pagamento de juros sobre o capital próprio aos seus acionistas no valor bruto de R$ 0,08 por ação.
  • E-commerce: Segundo noticiário a varejista online de vinhos Evino faturou R$ 40 milhões no mês de Novembro, resultado mais do que o dobro da receita reportada no mesmo mês de 2016 e cerca de 15% do faturamento previsto para 2017.
  • Fintechs: A Creditas, plataforma especializada em empréstimo com garantia, anunciou que recebeu um aporte de R$ 165 milhões liderado pelo fundo sueco Vostok, no maior investimento de 2017 no setor na América Latina.
  • Gol (GOLL4): A companhia comunicou o encerramento de sua oferta de US$ 500 milhões em notas sênior com vencimento em 2025.
  • Invepar (IVPR3): O Conselho Fiscal do Aeroporto de Guarulhos Participações (Grupar), composto por 80% pela Invepar e 20% pela sul-africana Airports Company, aprovou aumento de capital de R$ 850 milhões, mediante a emissão de 1,1 bilhão de ações ordinárias.
  • Linx (LINX3): O Conselho de Administração da companhia aprovou o pagamento de juros sobre o capital próprio aos seus acionistas no montante bruto de R$ 7 milhões, correspondendo ao valor bruto de R$ 0,04 por ação.
  • Locamerica (LCAM3): O Conselho de Administração da companhia aprovou a emissão de notas promissórias comerciais no valor total de até R$ 118 milhões.
  • MRV Engenharia (MRVE3): A companhia divulgou que suas vendas brutas nos meses de Outubro e Novembro atingiram uma média mensal de 4,1 mil unidades, alta de 46% na comparação com a média registrada no quarto trimestre de 2016.
  • Odontoprev (ODPV3): A companhia comunicou que seu Conselho de Administração aprovou o pagamento de juros sobre o capital próprio aos seus acionistas no montante de R$ 11,9 milhões, correspondendo ao valor de R$ 0,01 por ação.
  • Papel & Celulose: Segundo dados preliminares divulgados pela Associação Brasileira do Papelão Ondulado (ABPO) as vendas do setor no mês de Novembro somaram 308 mil toneladas, resultado que representa uma queda de 0,2% na comparação com o mês de Outubro e uma alta de 7,9% frente ao reportado no mesmo mês de 2016.
  • São Martinho (SMTO3): O Conselho de Administração da companhia aprovou a contratação de um financiamento junto ao BNDES no valor de R$ 135 milhões.

Fontes: Bloomberg, Thomson Reuters, jornal Valor Econômico, jornais diversos e relatórios de terceiros.

Esta mensagem e seus anexos podem conter informações confidenciais ou privilegiadas. Se você não é o destinatário dos mesmos você não está autorizado a utilizar o material para qualquer fim. Solicitamos que você apague a mensagem e avise imediatamente ao remetente. O conteúdo desta mensagem e seus anexos não representam necessariamente a opinião e a intenção da empresa, não implicando em qualquer obrigação ou responsabilidade por parte da mesma. As análises refletem única e exclusivamente as opiniões pessoais dos analistas responsáveis e são elaboradas de forma independente e autônoma, inclusive em relação à Capital Investimentos. As estimativas e previsões de eventos são baseadas em informações públicas e em fontes que julgamos dignas de crédito, embora sua precisão e completude não possam ser garantidas. Ocasionalmente, executivos ou funcionários da Capital Investimentos podem, de acordo com o permitido por lei, possuir uma posição, ou de outra maneira estarem interessados em transações com ativos direta ou indiretamente relacionados com este relatório. Rentabilidade passada não assegura rentabilidade futura. Este relatório não constitui uma recomendação de compra ou venda e destina-se apenas a fomentar o debate de ideias. O utilizador aceita que o conteúdo, erros ou omissões não podem ser fundamentos para qualquer reclamação ou ação legal. As informações contidas neste material são de caráter exclusivamente informativo e não devem ser consideradas como uma oferta de aquisição de cotas dos fundos de investimentos. Rentabilidade passada não é garantia de rentabilidade futura,  sempre leia o prospecto e o regulamento antes de investir.

11 dez

Abertura dos Mercados – 11 – Dezembro – 2017

Abertura dos Mercados – Futuros e Commodities: S&P-500: 2.656,00 +0,08% — Bovespa: 73.305 +0,93% — Petróleo WTI: 57,13 -0,40% — USD/BRL: 3.286,50 -0,37%

Nesse início de semana temos a maioria dos mercados globais operando em alta, com investidores monitorando a semana movimentada com encontros do Fed, Banco Central Europeu e Banco da Inglaterra. Nos Estados Unidos o índice futuro S&P aponta para abertura em alta de 0,08% e, por lá, o foco dos investidores será na reunião de 4ª feira do Fed, que possivelmente irá trazer um aumento do juro no país. Na Europa o DAX alemão cai 0,18%, o FTSE de Londres sobe 1,24% e o CAC francês opera ao redor da estabilidade e na Ásia tivemos o índice de Shanghai e o Nikkei fechando em altas de 0,98% e 0,56% respectivamente. No Brasil, segue o foco na aprovação da reforma da Previdência. A votação está prevista para a próxima 2ª e o governo segue correndo contra o tempo para conseguir os votos necessários para conseguir aprovar o projeto. No front macro tivemos a divulgação do Boletim Focus com estimativas de melhor PIB para 2017 (saindo de 0,89% na divulgação anterior para 0,91%) e 2018 (saindo de 2,60% para 2,62%) e com inflação mais branda para 2017 (saindo de 3,03% para 2,88%). Tivemos também a divulgação, pela FGV, da 1ª prévia do IGP-M de Dezembro, avançando 0,73% depois de recuar 0,02% no mesmo período um mês antes e pressionado pelo atacado e varejo. No front corporativo, o destaque da semana fica por conta do IPO da BR Distribuidora que deverá ser concluído na 4ª feira em oferta que pode girar até R$ 7,5 bilhões.

Empresas e Setores

  • Alpargatas (ALPA3): O Conselho de Administração da companhia aprovou a emissão de debêntures simples no valor total de até R$ 250 milhões.
  • B3 (BVMF3): O Conselho de Administração da companhia aprovou o pagamento de juros sobre o capital próprio aos seus acionistas no valor de R$ 0,26 por ação.
  • BR Malls (BRML3): A companhia anunciou a venda de sua participação de 2,1% no Minas Shopping, no Estado de Minas Gerais, por R$11,2 milhões.
  • Carrefour (CRFB3): A companhia comunicou que Matthieu Malige foi eleito para o cargo de Presidente de seu Conselho de Administração, em substituição a Pierre-Jean Sivignon.
  • Energisa (ENGI11): O Conselho de Administração da companhia aprovou a realização de uma Oferta Pública de Aquisição de Ações (OPA) de até a totalidade das ações ordinárias e preferenciais de sua controlada Energisa Mato Grosso (EMT).
  • Gol (GOLL4): A agência de classificação de risco S&P elevou rating da companhia de “CCC+” para “B-”, com perspectiva positiva.
  • Lojas Renner (LREN3): A companhia anunciou a inauguração de sua terceira loja no Uruguai.
  • Magnesita (MAGG3): O Conselho de Administração da companhia aprovou o cancelamento de seu programa de American Depositary Receipts (ADRs).
  • Marisa (AMAR3): Segundo noticiário a companhia estuda o início de suas operações no segmento de marketplace em 2018.
  • Rodovias: Segundo dados da Associação Brasileira de Concessionárias de Rodovias (ABCR) o fluxo total de veículos nas rodovias brasileiras concedidas à iniciativa privada no mês de Novembro recuou 0,7% ante o mês de Outubro e registrou alta de 2,8% na comparação com o mesmo mês de 2016.
  • Santander Brasil (SANB11): O banco irá lançar no primeiro trimestre de 2018 uma tecnologia de biometria digital e de reconhecimento facial para autenticação de pagamentos online chamada Identity Check Mobile, em conjunto com a Mastercard e a varejista Dafiti.
  • Vale (VALE3): A companhia divulgou que pretende atingir a meta de dívida líquida de US$ 10 bilhões até 2019. A companhia informou também que estuda a possibilidade de listar suas ações na Bolsa de Valores de Londres.
  • Wilson Sons (WSON11): A companhia informou que sua movimentação de contêineres no mês de Novembro atingiu 86,9 mil TEUS, 13,3% acima do registrado no mesmo mês de 2016.

Fontes: Bloomberg, Thomson Reuters, jornal Valor Econômico, jornais diversos e relatórios de terceiros.

Esta mensagem e seus anexos podem conter informações confidenciais ou privilegiadas. Se você não é o destinatário dos mesmos você não está autorizado a utilizar o material para qualquer fim. Solicitamos que você apague a mensagem e avise imediatamente ao remetente. O conteúdo desta mensagem e seus anexos não representam necessariamente a opinião e a intenção da empresa, não implicando em qualquer obrigação ou responsabilidade por parte da mesma. As análises refletem única e exclusivamente as opiniões pessoais dos analistas responsáveis e são elaboradas de forma independente e autônoma, inclusive em relação à Capital Investimentos. As estimativas e previsões de eventos são baseadas em informações públicas e em fontes que julgamos dignas de crédito, embora sua precisão e completude não possam ser garantidas. Ocasionalmente, executivos ou funcionários da Capital Investimentos podem, de acordo com o permitido por lei, possuir uma posição, ou de outra maneira estarem interessados em transações com ativos direta ou indiretamente relacionados com este relatório. Rentabilidade passada não assegura rentabilidade futura. Este relatório não constitui uma recomendação de compra ou venda e destina-se apenas a fomentar o debate de ideias. O utilizador aceita que o conteúdo, erros ou omissões não podem ser fundamentos para qualquer reclamação ou ação legal. As informações contidas neste material são de caráter exclusivamente informativo e não devem ser consideradas como uma oferta de aquisição de cotas dos fundos de investimentos. Rentabilidade passada não é garantia de rentabilidade futura,  sempre leia o prospecto e o regulamento antes de investir.

 

8 dez

Abertura dos Mercados – 08 – Dezembro – 2017

Abertura dos Mercados – Futuros e Commodities: S&P-500: 2.644,25 +0,18% — Bovespa: 73.210 +1,06% — Petróleo WTI: 57,08 +0,69% — USD/BRL: 3.281,50 -0,51%

A semana chega ao fim com os mercados externos em tom positivo. Nos Estados Unidos, o índice futuro do S&P tem alta de 0,18% e na Europa, o índice alemão DAX sobe 1,15%, o CAC francês opera com ganhos de 0,46% e o FTSE inglês tem valorização de 0,33%. Na Ásia, o Nikkei fechou subindo 1,41% e Shanghai terminou o dia subindo 0,55%. No Brasil, hoje cedo saiu o IPCA de Novembro com alta de 0,28% contra 0,42% de Outubro, a mediana das expectativas era de 0,35%. Em 12 meses o IPCA acumula alta de 2,8% contra 2,7% do mês anterior. No front político, o Governo segue trabalhando para angariar votos e tentar aprovar a reforma da Previdência ainda esse ano. Rodrigo Maia, presidente da Câmara, reconhece que os votos até agora não são suficientes, mas acredita que o clima está favorável para articular melhor os partidos aliados e votar o primeiro turno da proposta no dia 18 de Dezembro, dois dias antes do recesso parlamentar.

Empresas e Setores

  • AES Tietê (TIET4): A companhia comunicou que realizará o pagamento de juros sobre o capital próprio aos seus acionistas no valor de R$ 0,03 por Unit.
  • Bradesco (BBDC4): O banco propôs ao seu Conselho de Administração o pagamento de juros sobre o capital próprio aos seus acionistas no montante de R$ 4,8 bilhões, correspondendo a proporção de R$ 0,75 por ação ordinária e R$ 0,82 por ação preferencial.
  • Cemig (CMIG4): A agência de classificação de risco Moody’s confirmou os ratings da companhia em escala global e nacional em “B3” e “B2.br”, respectivamente, revisando também a perspectiva das notas para estável.
  • Chevron: A companhia anunciou que pretende realizar investimentos de cerca de US$ 18,3 bilhões no próximo ano, aproximadamente 7,6% abaixo do valor que que pretendia desembolsar em 2017 e o quarto ano consecutivo de queda no valor destinado aos seus investimentos.
  • Construção Civil: Segundo dados divulgados pela Abrainc, os lançamentos de imóveis residenciais no Brasil no mês de Setembro somaram 9,7 mil unidades, alta de 28,1% frente ao registrado no mesmo mês de 2016, contribuindo para uma alta de 12,1% no acumulado de Janeiro a Setembro deste ano. As vendas de imóveis em Setembro somaram 10,2 mil unidades, alta de 9,7% na comparação anual e de 2,8% no acumulado dos primeiros nove meses de 2017.
  • Energia Elétrica: Segundo dados divulgados pela Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE) o consumo de energia elétrica no Brasil no mês de Novembro registrou alta de 1% ante o consumo registrado no mês anterior.
  • Gol (GOLL4): A companhia informou que deverá investir em 2018 cerca de R$ 600 milhões, em linha com o valor desembolsado em 2017.
  • Kroton (KROT3): A companhia comunicou que Frederico Brito e Abreu renunciou ao cargo de Diretor Financeiro da empresa, sendo substituído por Jamil Saud Marques.
  • Localiza (RENT3): O Conselho de Administração da companhia autorizou o pagamento de juros sobre o capital próprio aos seus acionistas no valor total de R$ 42,7 milhões, correspondendo a proporção de R$ 0,06 por ação.
  • Petrobras (PETR4): A companhia comunicou que irá revisar a metodologia de reajuste dos preços de seu gás liquefeito de petróleo (GLP) para uso residencial, após uma alta de quase 70% nas cotações do produto para os distribuidores desde o início do mês de Junho.
  • Taesa (TAEE11): A companhia informou que o GIC Private Limited passou a deter participação de 4,9% no seu total de ações preferenciais.
  • Têxtil: Segundo estimativa da Associação Brasileira da Indústria Têxtil e de Confecção (Abit) o faturamento do setor têxtil e de confecções do Brasil deverá registrar um crescimento de 5,5% no próximo ano, alcançando R$ 152 bilhões. Segundo a associação os investimentos no setor deverão somar R$ 2,25 bilhões em 2018, um incremento de 18,4% ante R$ 1,9 bilhão investido neste ano.
  • Vale (VALE3): A companhia concluiu a operação de venda para o Bank of Communications (Bocomm) de dois navios VLOCs com capacidade de 400.000 toneladas, por um valor total de aproximadamente US$ 178 milhões.

Fontes: Bloomberg, Thomson Reuters, jornal Valor Econômico, jornais diversos e relatórios de terceiros.

Esta mensagem e seus anexos podem conter informações confidenciais ou privilegiadas. Se você não é o destinatário dos mesmos você não está autorizado a utilizar o material para qualquer fim. Solicitamos que você apague a mensagem e avise imediatamente ao remetente. O conteúdo desta mensagem e seus anexos não representam necessariamente a opinião e a intenção da empresa, não implicando em qualquer obrigação ou responsabilidade por parte da mesma. As análises refletem única e exclusivamente as opiniões pessoais dos analistas responsáveis e são elaboradas de forma independente e autônoma, inclusive em relação à Capital Investimentos. As estimativas e previsões de eventos são baseadas em informações públicas e em fontes que julgamos dignas de crédito, embora sua precisão e completude não possam ser garantidas. Ocasionalmente, executivos ou funcionários da Capital Investimentos podem, de acordo com o permitido por lei, possuir uma posição, ou de outra maneira estarem interessados em transações com ativos direta ou indiretamente relacionados com este relatório. Rentabilidade passada não assegura rentabilidade futura. Este relatório não constitui uma recomendação de compra ou venda e destina-se apenas a fomentar o debate de ideias. O utilizador aceita que o conteúdo, erros ou omissões não podem ser fundamentos para qualquer reclamação ou ação legal. As informações contidas neste material são de caráter exclusivamente informativo e não devem ser consideradas como uma oferta de aquisição de cotas dos fundos de investimentos. Rentabilidade passada não é garantia de rentabilidade futura,  sempre leia o prospecto e o regulamento antes de investir.

7 dez

Abertura dos Mercados – 07 – Dezembro – 2017

Abertura dos Mercados – Futuros e Commodities: S&P-500: 2.630,50 +0,05% — Bovespa: 72.465 -1,30% — Petróleo WTI: 56,22 +0,46% — USD/BRL: 3.287,50 +1,35% 

O tom dos externos nessa quinta-feira é marginalmente positivo. Nos Estados Unidos, o índice futuro do S&P nesse momento tem alta de 0,05%, em linha com índices europeus. Na Alemanha, o índice DAX sobe 0,24%, na França, o CAC opera com ganhos de 0,07% e na Inglaterra, o FTSE tem ligeira valorização de 0,04%. Na Ásia, o Nikkei fechou subindo 1,54% e Shanghai terminou o dia com queda de 0,67%. No Brasil, o Copom confirmou as expectativas e derrubou a Selic para 7%, o menor nível da história, deixando em aberto novo corte em Fevereiro que dependerá do ambiente, mais especificamente: da aprovação ou não da reforma da Previdência. Em Brasília, as negociações não param e também não parecem evoluir muito. O tempo vai se esgotando, as demandas dos parlamentares são grandes e se misturam com os interesses e questões relacionadas com as eleições de 2018. O Governo perdeu a vergonha e colocou todas as fichas em jogo, abrindo literalmente o cofre como última tentativa para angariar votos. Os deputados negociam com o Governo mais R$ 3 bilhões para as emendas da bancada e mais R$ 5,5 bilhões até 2021 nos repasses da União aos municípios. Ontem no Congresso, uma série de projetos de interesse da base governista andou rápido, representando benesses ao redor de R$ 30 bilhões para vários setores, agradando prefeitos e governadores. O Governo segue à espera do PSDB, que se reúne nesse sábado, dia 9 de dezembro, que além de eleger o novo presidente do partido deve definir sua posição em relação a reforma.

Empresas e Setores

  • BRF (BRFS3): A companhia informou que o GIC Private Limited reduziu para 4,9% a participação no seu total de ações ordinárias.
  • Calçados: Segundo dados divulgados pela Associação Brasileira das Indústrias de Calçados (Abicalçados) as exportações brasileiras de calçados no mês de somaram 9,88 milhões de pares, volume 10,6% inferior ao registrado no mesmo mês do ano passado. Em valor, as exportações de calçados do Brasil em Novembro somaram US$ 83,43 milhões, 0,9% abaixo do registrado no mesmo mês de 2016.
  • Eztec (EZTC3): A companhia divulgou que estima que seus lançamentos no próximo ano tenham um Valor Geral de Vendas (VGV) entre R$ 500 milhões e R$ 1 bilhão.
  • Gafisa (GFSA3): A companhia informou que a gestora GWI Asset Management passou a deter participação de 15,8% no seu total de ações ordinárias.
  • Gol (GOLL4): A companhia finalizou, através de sua subsidiária Gol Finance, sua oferta de recompra de notas sênior no montante máximo de US$ 276,7 milhões e com vencimento em 2022.
  • Localiza (RENT3): A companhia comunicou que seu Conselho de Administração aprovou a emissão de Certificado de Recebíveis Imobiliários (CRI) no valor de até R$ 370 milhões.
  • O Boticário: A companhia pretende encerrar o ano de 2017 com alta de 6% em sua receita bruta ante o registrado no ano de 2016.
  • PDG (PDGR3): A companhia comunicou que a 1ª Vara de Falências do Estado de São Paulo homologou seu plano de recuperação judicial.
  • Petrobras (PETR4): A companhia informou o recebimento de cerca de R$ 654 milhões através de acordos de colaboração celebrados com pessoas físicas e jurídicas no âmbito da Operação Lava Jato, perfazendo o montante total de R$ 1,47 bilhão em valores recebidos desde o início da Operação.
  • Tenda (TEND3): A companhia anunciou que irá encerrar o ano de 2017 com lançamentos de R$ 1,6 bilhão, alta de 20% ante o Valor Geral de Vendas (VGV) registrado em 2016. A companhia divulgou também que pretende elevar em 25% os gastos com aquisição de terrenos em 2018 e que seus lançamentos deverão crescer entre 10% e 15% no próximo ano.
  • Vale (VALE3): A companhia anunciou que irá investir US$ 3,8 bilhões em 2018, valor 7,3% abaixo do total desembolsado neste ano. A companhia informou também que Eduardo de Salles Bartolomeo foi nomeado Diretor Executivo para o segmento de Metais Básicos.
  • Veículos: Segundo dados da Anfavea a produção de veículos no Brasil no mês de Novembro atingiu 249,1 mil unidades, queda de 0,3% na comparação com a produção do mês de Outubro e 15,2% acima do registrado no mesmo mês de 2016. Segundo a Associação, as vendas de veículos pela indústria nacional em Novembro somou 204,2 mil unidades, resultado que representa uma expansão de 0,7% na comparação mensal e de 14,6% frente ao registrado no mesmo mês de 2016.

Fontes: Bloomberg, Thomson Reuters, jornal Valor Econômico, jornais diversos e relatórios de terceiros.

Esta mensagem e seus anexos podem conter informações confidenciais ou privilegiadas. Se você não é o destinatário dos mesmos você não está autorizado a utilizar o material para qualquer fim. Solicitamos que você apague a mensagem e avise imediatamente ao remetente. O conteúdo desta mensagem e seus anexos não representam necessariamente a opinião e a intenção da empresa, não implicando em qualquer obrigação ou responsabilidade por parte da mesma. As análises refletem única e exclusivamente as opiniões pessoais dos analistas responsáveis e são elaboradas de forma independente e autônoma, inclusive em relação à Capital Investimentos. As estimativas e previsões de eventos são baseadas em informações públicas e em fontes que julgamos dignas de crédito, embora sua precisão e completude não possam ser garantidas. Ocasionalmente, executivos ou funcionários da Capital Investimentos podem, de acordo com o permitido por lei, possuir uma posição, ou de outra maneira estarem interessados em transações com ativos direta ou indiretamente relacionados com este relatório. Rentabilidade passada não assegura rentabilidade futura. Este relatório não constitui uma recomendação de compra ou venda e destina-se apenas a fomentar o debate de ideias. O utilizador aceita que o conteúdo, erros ou omissões não podem ser fundamentos para qualquer reclamação ou ação legal. As informações contidas neste material são de caráter exclusivamente informativo e não devem ser consideradas como uma oferta de aquisição de cotas dos fundos de investimentos. Rentabilidade passada não é garantia de rentabilidade futura,  sempre leia o prospecto e o regulamento antes de investir.

 

6 dez

Abertura dos Mercados – 06 – Dezembro – 2017

Abertura dos Mercados – Futuros e Commodities: S&P-500: 2.625,00 -0,12% — Bovespa: 72.215 -0,39% — Petróleo WTI: 56,91 -1,23% — USD/BRL: 3.250,50 +0,03%

O tom dos mercados hoje é negativo, com o índice futuro do S&P mostrando uma variação negativa de 0,12% nesse momento, acompanhando os índices acionários europeus. Na Alemanha, o índice DAX cai 1,00% e o CAC francês opera com baixa de 0,54%. Na Ásia, o Nikkei fechou em queda de 1,97% e Shanghai terminou o dia com desvalorização de 0,29%. Apesar das notícias externas relevantes, como os ajustes na reforma Tributária de Trump sendo costurados entre Câmara e Senado estar em fase final, nada tira o foco da reforma da Previdência aqui no Brasil. Sem uma definição a respeito da aprovação da reforma da Previdência o Copom, que provavelmente reduzirá hoje a Selic para 7%, deve deixar em aberto sua decisão para a reunião de Fevereiro. Um encaminhamento favorável da reforma deve implicar em uma continuidade de queda da taxa de juros, enquanto que a não aprovação ou seu adiamento, pode indicar um encerramento do ciclo de cortes da Selic. As negociações seguem intensas, Michel Temer tem café da manhã e jantar com líderes aliados para contar votos. Como as negociações no varejo falharam, o Governo aposta todas as fichas nos líderes partidários para fechamento de questão, termo usado para o partido apoiar oficialmente a proposta e “forçar” o voto dos seus deputados. O PMDB deve fechar a questão em reunião da Executiva às 16 hrs, deixando a decisão praticamente na mão do PSDB que se encontra no próximo sábado, dia 9 de Dezembro, em sua Executiva Nacional para eleger Geraldo Alckmin como novo presidente do partido.

Empresas e Setores

  • Ampla Energia (CBEE3): O Conselho de Administração da companhia aprovou um aumento de capital no valor de R$ 1,2 bilhão, por meio da emissão de novas ações ordinárias.
  • Anima (ANIM3): A companhia informou que a Atmos Gestão de Recursos passou a deter uma participação de 5,1% no seu total de ações.
  • Arezzo (ARZZ3): A companhia informou que o BTG Pactual aumentou para 6,6% a participação no seu capital social.
  • BNDES: O banco anunciou que pretende desembolsar cerca de R$ 22 bilhões para o financiamento de projetos industriais de alta tecnologia até o ano de 2020.
  • Bradespar (BRAP4): A companhia comunicou o recebimento do valor bruto de R$ 1,48 bilhão referente à venda de 53,46 milhões de ações ordinárias da CPFL.
  • Cemig (CMIG4): A companhia comunicou que efetuará o pagamento de juros sobre o capital próprio e dividendos aos seus acionistas no valor de R$ 0,15 e R$ 0,12 por ação, respectivamente.
  • Copel (CPLE6): A companhia informou que a gestora BlackRock reduziu para 2,8% a participação no seu total de ações preferenciais.
  • Energia Elétrica: Segundo dados da empresa de consultoria A.T.Kearney o valor gasto pelo consumidor brasileiro com perdas de energia em 2016 somaram um pouco mais de R$ 8 bilhões, dos quais, R$ 3,6 bilhões foram referentes às perdas por furtos ou fraude na rede.
  • Grupo Pão de Açúcar (PCAR4): A companhia divulgou que planeja realizar investimentos de até R$ 1,4 bilhão em 2018, em linha com o valor desembolsado neste ano.
  • Itaú Unibanco (ITUB4): O banco comunicou que precificou em R$ 1,25 bilhão notas subordinadas perpétuas a serem emitidas no próximo dia 12 deste mês.
  • Metalfrio (FRIO3): A companhia informou que seu acionista controlador desistiu de realizar a Oferta Pública de Aquisição (OPA) de ações para o fechamento do capital da empresa.
  • Petrobras (PETR4): A companhia anunciou que a oferta de gás natural em sua malha de gasodutos no Brasil irá crescer cerca de 23% neste ano, na comparação com o ano de 2016.
  • Vulcabras Azaleia (VULC3): A companhia comunicou que irá investir R$ 100 milhões até o fim de 2018 na modernização de suas fábricas.
  • Walmart: A companhia anunciou a integração de suas lojas físicas e suas operações de comércio eletrônico no Brasil, como parte dos esforços para simplificação do negócio.
Esta mensagem e seus anexos podem conter informações confidenciais ou privilegiadas. Se você não é o destinatário dos mesmos você não está autorizado a utilizar o material para qualquer fim. Solicitamos que você apague a mensagem e avise imediatamente ao remetente. O conteúdo desta mensagem e seus anexos não representam necessariamente a opinião e a intenção da empresa, não implicando em qualquer obrigação ou responsabilidade por parte da mesma. As análises refletem única e exclusivamente as opiniões pessoais dos analistas responsáveis e são elaboradas de forma independente e autônoma, inclusive em relação à Capital Investimentos. As estimativas e previsões de eventos são baseadas em informações públicas e em fontes que julgamos dignas de crédito, embora sua precisão e completude não possam ser garantidas. Ocasionalmente, executivos ou funcionários da Capital Investimentos podem, de acordo com o permitido por lei, possuir uma posição, ou de outra maneira estarem interessados em transações com ativos direta ou indiretamente relacionados com este relatório. Rentabilidade passada não assegura rentabilidade futura. Este relatório não constitui uma recomendação de compra ou venda e destina-se apenas a fomentar o debate de ideias. O utilizador aceita que o conteúdo, erros ou omissões não podem ser fundamentos para qualquer reclamação ou ação legal. As informações contidas neste material são de caráter exclusivamente informativo e não devem ser consideradas como uma oferta de aquisição de cotas dos fundos de investimentos. Rentabilidade passada não é garantia de rentabilidade futura,  sempre leia o prospecto e o regulamento antes de investir.